Loft

Ambientes integrados: como decorar e harmonizar

Os ambientes integrados são cada vez mais comuns e isso está relacionado com a tendência dos imóveis se tornarem menores, principalmente nas grandes cidades.

O pouco espaço, no entanto, pode ser driblado com o investimento em ambientes integrados. A sala de jantar e a sala de estar, por exemplo, podem ser um único cômodo, sem que isso gere perdas na beleza e no conforto para os moradores.

Os ambientes integrados caíram no gosto do brasileiro. Tanto, que até mesmo imóveis maiores, muitas vezes, têm mais de um cômodo no mesmo lugar. Isso porque eles geram muita facilidade para os moradores.

7 dicas para decorar os ambientes integrados com harmonia

Elencamos algumas dicas incríveis para você decorar os seus ambientes integrados com harmonia. Siga a leitura e confira agora mesmo!

1. Pense na unidade visual

Ambientes integrados como decorar e harmonizarFoto: Casa Casada

A primeira coisa que deve ser pensada ao decorar ambientes integrados é a unidade visual. Você precisa lembrar sempre que a decoração deve conversar com todas as funcionalidades do espaço.

Uma sala de estar que também acomoda elementos da sala de jantar ou cozinha, como uma geladeira e mesa para as refeições, deve ter móveis que conversem entre si.

O móvel da televisão, por exemplo, pode combinar com as cadeiras da mesa de refeições. Além disso, detalhes na decoração, como as capas no sofá e as toalhas de mesa podem ser trabalhados.

2. Demarque os espaços com o piso

Ambientes integrados como decorar e harmonizarFoto: Iná Arquitetura

Para demarcar os espaços do ambiente integrado, uma boa maneira é usar pisos diferenciados. Pode-se colocar, por exemplo, um tipo de revestimento no local para refeições, como embaixo da mesa de jantar e das cadeiras, e outro no restante do cômodo.

Isso faz com que, ao visualizar o ambiente, as pessoas já entendam, de forma inconsciente, qual é o espaço recomendado para a realização de cada atividade.

3. Faça divisórias com os móveis

Ambientes integrados como decorar e harmonizar

Foto: Malú Rocha

Na decoração para ambientes integrados, é uma boa prática criar uma divisória com móveis. Dessa maneira, será possível separar os ambientes usando um sofá ou mesa de centro, por exemplo.

A nossa sugestão é que você prefira os móveis versáteis, como os de madeira ou na cor branca. Isso porque, com eles, fica mais fácil decorar o ambiente da maneira que você preferir, tendo em vista que se encaixam em diferentes estilos de decoração.

4. Defina uma paleta de cores para ter harmonia

Ambientes integrados como decorar e harmonizar
Foto: Jeito de Casa

A paleta de cores tem suma importância para ter um resultado agradável ao decorar um imóvel. O recomendado é que você pense em uma cor para ser a base na decoração os seus ambientes integrados, ou seja, uma tonalidade para se sobressair.

Após essa cor ser escolhida, você pode definir as demais tonalidades, para os utensílios e objetos decorativos da casa. No caso de enfeites e bibelôs, podem ser escolhidas cores mais chamativas.

Lembre-se, no entanto, que não necessariamente as cores dos dois ambientes integrados devem ser as mesmas! Elas apenas devem conversar entre si, de forma harmoniosa. Não se pode usar tonalidades que não combinem uma com a outra.

5. Aposte no uso de tapetes

Ambientes integrados como decorar e harmonizar
Foto: Casa Casada

Assim como o piso pode servir para demarcar espaço, o mesmo pode ser feito com os tapetes. Aliás, essa é uma solução mais econômica, para quem não tem condições de usar materiais caros, como o porcelanato, para ter um novo revestimento no ambiente.

Os tapetes podem ser usados para deixar claro que determinado espaço é da sala de estar e não da varanda, por exemplo. Inclusive, é possível usar um tapete em cada espaço, desde que eles também tenham cores que harmonizem entre si.

6. Utilize divisórias

Ambientes integrados como decorar e harmonizar
Foto: Dani Noce

Os ambientes integrados não precisam, necessariamente, ser completamente abertos uns para os outros. Pelo contrário, as divisórias são importantes, até mesmo porque, em alguns casos, pode ser que alguém queira privacidade em um ponto do espaço.

É o caso, por exemplo, de uma sala de estar que é integrada com um home office, onde um profissional realiza as suas atividades.

Em casos assim, o recomendado é que se utilizem divisórias, como os biombos ou os cobogós. Outra ideia interessante para fazer a divisão é o uso de prateleiras e nichos, que também podem ser usados para organizar livros e objetos de decoração.

7. Conte com um apoio especializado

Ambientes integrados como decorar e harmonizarFoto: Max Vakhtbovych

Nossa última dica para decorar ambientes personalizados é contar com apoio especializado, de profissionais que entendam bem sobre esse assunto. Isso pode ser feito sem que você gaste uma fortuna.

Você pode contratar o Arquiteto de Bolso, um serviço pensado para garantir o acesso de qualquer pessoa a um projeto arquitetônico barato e eficiente.

Ao contratar o Arquiteto de Bolso, você terá uma consultoria online de até duas horas com um arquiteto ou designer de interiores. Também receberá a planta baixa, humanizada e personalizada e imagens 3D, para você entender como ficará o espaço.

O profissional ainda dará sugestões de móveis, decoração, pintura, eletros, revestimentos, pisos, metais e tudo o que precisar. Você ainda terá alterações ilimitadas durante a consultoria e atendimento exclusivo nas lojas parceiras.

Com o Arquiteto de Bolso ficou muito mais fácil decorar ambientes integrados, sem ter dor de cabeça, e com a garantia de um resultado satisfatório.

Siga as nossas redes sociais e acompanhe as nossas publicações! Você nos encontra no Pinterest, no Facebook e no Instagram.

Decoração signo de libra: confira qual é a sua cara

Artigo anterior

8 Dicas baratas para deixar seu quarto como de um hotel

Próximo artigo
Arquiteto de Bolso
Arquitetura e decoração de ambientes acessíveis para todos. E tudo isso cabe no seu bolso!

Você pode se interessar por esse também

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *